Consultórios e Horários

Consultórios e Horários


Consultório Copacabana
HAND CARE - 3 feira de 1500 as 1700
Rua Xavier da Silveira 45, cob 01
Telefone 25218644 - 996422446


Consultório Barra
Ortobarra - 5·Feira de 14:00 as 18:00
Av. das Americas 3333 Sala 910
Telefone 3325-0870 / 3328-7182 3151-3000 / 3153-1574




segunda-feira, 1 de junho de 2009

Hérnia de Disco Lombar na criança.

A hérnia de disco é patologia própria do adulto, na qual
ocorre a diminuição do teor de proteoglicanos no núcleo pulposo
e ânulo fibroso, com alterações da pressão sobre o anel
fibroso, levando à ruptura deste e extravasamento do material
nuclear para o canal vertebral.

Assim sendo, a hérnia discal é patologia rara em crianças
e adolescentes, chamar a atenção para o fato de que tais lesões podem
ser causa de dor e escoliose na faixa etária estudada,
podendo levar a dificuldades diagnósticas.

fig 1 e 2: Imagens de RNM de uma criança de 10 anos com Hérnia de Disco Lombar.






Steinlin et al. colocam a dor nas costas em crianças e
adolescentes como um raro e sério problema; em oito crianças,
encontraram como causa: três infecções, dois tumores,
uma hérnia discal, duas malformações; aconselham a pesquisar
sempre a causa, com exame clínico e neurológico adequado,
hemograma, RX, cintilografia, CT e RNM de acordo
com as devidas hipóteses diagnósticas.

Existe controvérsia quanto ao tratamento. Assim, Ishihara
et al. e Shillito indicam cirurgia sempre, acreditando que
o pequeno paciente retorna às suas atividades precocemente.

Entretanto Mayer et al. e Oga et al. defendem o tratamento
conservador, reservando a cirurgia para os casos não
responsivos ao tratamento não operatório.

Algumas vezes os pacientes vêm para consulta para avaliação
da escoliose, que é secundária à dor. É necessário que
o ortopedista esteja atento às queixas do paciente, lembrando
sempre que escoliose não é causa de dor na faixa etária
aqui estudada, sendo imperioso que se investiguem as possíveis
causas.

fonte: Rev Bras Ortop _ Vol. 33, Nº 10 – Outubro, 1998
A. BORTOLETTO, S.D.S. PRATA & G.B. SANTOS